Para acalmar as crianças que se desesperam quando precisam ir ao médico, o pediatra Ricardo Fonseca, que trabalha no Hospital Regional do Gama, em Brasília (DF), resolveu atender seus pequenos pacientes vestido de super-herói. Em vez de vestir o tradicional jaleco branco, ele usa roupas do Super-homem, Batman, Homem Aranha e Capitão América.

O pediatra resolveu quebrar a resistência que as crianças tinham toda vez que o viam com o jaleco. “Elas ficam traumatizadas, porque associam a roupa às vacinas”, explicou o médico. A ideia surgiu há dois anos dentro da área de odontopediatria. “Os dentistas atendiam as crianças de forma lúdica e eu achei bem interessante”.

Há sete anos atuando como pediatra, Fonseca avalia que seu trabalho ficou bem melhor quando trouxe o lúdico para os seus atendimentos. Ele explica que as cores das roupas conquistam os pequenos. “O que mais me chamou a atenção é que pacientes que eu acompanhava há dois anos e não conseguia examinar, porque choravam muito, hoje é bem mais fácil”.

Ele ainda complementa que as crianças ficam até ansiosas para irem ao seu consultório, mesmo quando não estão doentes. Nos atendimentos, além de estar caracterizado, o médico também faz truques de mágicas e dá alguns presentes personalizados para as crianças. “Muitas pensam que eu sou de fato um super-herói.”

Fonte: Revista Crescer