As inscrições para o Fundo de Resposta Rápida (FRR), iniciativa que irá investir US$ 3 milhões, de 2020 a 2023, em ações de organizações e grupos tradicionalmente excluídos, estão abertas. A iniciativa proporcionará suportes entre US$ 10 mil e US$ 15 mil para organizações e coletivos selecionados. Além da verba, poderão ser solicitados apoios técnicos em comunicação ou consultoria jurídica.

O benefício tem duração de 3 a 6 meses, sendo que novas inscrições serão analisadas mensalmente. A iniciativa tem como prioridade promover ações coletivas que reduzam a distância entre governos e sociedade civil.

O fundo atuará em um primeiro momento no apoio de campanhas e mobilizações para facilitar respostas a emergências sociais vinculadas aos direitos humanos. Em duas outras etapas previstas, a verba será destinada para apoiar diretamente organizações e movimentos. As inscrições serão até dezembro de 2020, período da primeira fase.

Podem se inscrever:

  • Campanhas de incidência e mobilização cidadã que busquem ampliar o espaço cívico e dar voz a setores excluídos e pouco representados como: coletivos de comunidades carentes, LGBTQI+, comunidades rurais e indígenas.
  • Campanhas, ações, documentações que permitam evidenciar casos de abuso contra direitos humanos.
  • Ações cidadãs que atuem para incluir na agenda temas relevantes para incentivar uma discussão aberta e democrática.
  • Mobilizações que demandem mudanças e regulamentação frente a abusos contra direitos humanos.
  • Resposta à introdução de legislações que diminuam ou reduzam os direitos políticos da população, fomentem a censura e/outros problemas relacionados aos direitos humanos e ao espaço cívico.

Para se inscrever e concorrer ao apoio do FRR, basta acessar o site da ação. Clique aqui.