A Natura faz chamada global para encontrar novos meios de combater a geração de resíduos e a poluição por plástico. Empreendedores, startups, instituições de pesquisa, universidades e empresas podem apresentar soluções com novos materiais renováveis, solúveis ou biodegradáveis, bem como inovações em modelos logísticos, de serviços ou comerciais. As inscrições vão até o dia 30 de novembro. Para participar basta preencher o formulário no site.

São esperadas soluções que já tenham alguma etapa de desenvolvimento realizada, podendo ser em pesquisa aplicada, validada ou disponível para escalonamento. Todas as iniciativas com potencial de resolver o desafio serão analisadas pelo time da Natura e as soluções escolhidas poderão realizar parcerias e receber investimentos para se tornarem viáveis.

Segundo Luciano Abrantes, diretor de Inovação Digital da Natura, a ideia é conectar soluções de diferentes naturezas, encontrar e integrar as propostas que de fato agreguem valor à nossa rede de relações. “Queremos aprender e ensinar com o potencial coletivo, onde a tecnologia, o digital, as cadeias e modelos comerciais se encontram para aumentar ainda mais nossas chances de inovar” explica

De acordo com estudo realizado pela ONU, 1.3 bilhão de toneladas de lixo são geradas anualmente em todo o planeta. No Brasil, a média por ano é de 78 milhões de toneladas. Segundo a própria companhia, a Natura foi a primeira empresa de cosméticos brasileira a oferecer refis, desde 1983, e tem ampliado o uso de materiais reciclados pós-consumo e plástico verde em suas embalagens.