Com o desemprego aumentando durante a pandemia, um morador de Porto Alegre teve uma ideia diferente. Ele resolveu recolher e distribuir currículos de pessoas que procuram um trabalho. O servidor público Carlos D’Avila recebe os currículos por e-mail, mas também retira na casa da pessoa. Ele já recolheu mais de 2 mil currículos.

Carlos distribui os documentos em bares, lanchonetes, lojas e agências de emprego. Também mantém contato com os desempregados para encaminhar vagas em grupos de um aplicativo de mensagens. A iniciativa já ajudou a recolocar 38 pessoas no mercado até o momento.

Ele contou que além de entregar os currículos, ele busca orientar as pessoas com algumas dicas sobre como se comportar em uma entrevista e como elaborar um bom material, sempre de forma gratuita. “Faço esse trabalho voluntário sempre que possível. Antes do trabalho, na ida, na volta, durante o intervalo e em fins de semana. Recebo muitos currículos, então não posso parar. Minha meta é entregar todos”.

Informações: G1