O ator Jason Momoa, que interpreta o super-herói Aquaman nos cinemas, foi ‘detido’ durante uma manifestação no Havaí. Mas tudo não passou de uma ação dos moradores de Mauna Kea para chamar a atenção contra a instalação de um telescópio, batizado de TMT (Thirty Meter Telescope), no cume de uma montanha sagrada da região. A obra, patrocinada pela Universidade da Califórnia, está orçada em R$ 5 bilhões.

Divulgada nas redes sociais, a fotografia do astro de Hollywood algemado pelos policiais viralizou rapidamente. Jason, que é filho de pai havaiano, declarou recentemente que apenas gravará a sequência de ‘Aquaman’ caso a obra seja interrompida. Ele ainda citou outro telescópio, Subaru, construído no mesmo local em 1991.

Aquaman é o maior sucesso de bilheteria dos filmes do universo compartilhado da DC, tendo arrecadado US$ 1,148 bilhão.. A seqüência de filme tem previsão de estreia para 16 de dezembro de 2022.  O ator que luta pelas causas ambientais merece uma Salva de Palmas.