Um idoso de 79 anos foi surpreendido ao receber dezenas de flores na última sexta-feira (20) em Alumínio (SP). Gabriel Vieira da Cruz, também conhecido como Bié, viralizou nas redes sociais depois que a neta postou um relato dizendo que ele havia sido acusado de roubo por colher mudas de um canteiro.

Bianca Rodrigues, neta de Bié, contou  que o avô saiu para caminhar pela manhã e passou na frente de um comércio que fica na vizinhança. Ele adora jardinagem, segundo a neta, e resolveu pegar uma muda para que pudesse plantar em casa. “Ele apenas pegou uma mudinha e voltou para casa, tranquilamente”, relembra.

Naquele mesmo dia, o idoso foi surpreendido pelo casal dono do comércio. Bianca contou que os dois foram “tirar satisfação” e acusaram Bié de roubo. “Nesse momento, meu avô começou a chorar, ficou desesperado, pois achou que tinha cometido um crime e seria preso. Mas ele não tinha intenções maldosas, queria apenas uma planta”, disse a neta.

Em meio ao choro, Bié disse que iria repor a muda que havia tirado do canteiro, mas o casal negou, de acordo com Bianca. “Disseram que era muito caro e que meu avô não tinha esse dinheiro. Era R$ 20”, afirma.

Nervoso, o idoso passou mal e precisou ser levado pela família até o hospital. Enquanto esperavam atendimento, a neta resolveu contar o que havia acontecido nas redes sociais. O relato publicado por Bianca viralizou e uma corrente do bem “invadiu” o coração de Bié.

Muitas pessoas se indignaram com a história e, principalmente, com a acusação feita contra Bié. Vizinhos e amigos da família começaram a mandar flores para o idoso, na intenção de confortá-lo.

“No mesmo dia em que tudo havia acontecido, tocaram a campainha da casa dele e entregaram flores. A partir daí, foi uma entrega atrás da outra. No começo, ele não entendeu muito, mas explicamos para ele sobre a postagem e sobre a intenção das pessoas com aquelas plantas. Ele se sentiu muito grato”, diz.

Informações G1