Olha que legal! A diarista Marli da Silva conseguiu, aos 63 anos, se formar em um curso de culinária, com especialização em pratos franceses e confeitaria. Tudo pago com economias de faxinas feitas por ela. Moradora de São Gonçalo, no Rio de  Janeiro, Marli trabalhava em três casas e seguia direto para o curso após terminar o serviço. “Acabava a faxina, tomava meu banho e ia fazer meu curso das 18h às 22h. Deu tudo certo”, contou ela.

Marli, que sempre quis fazer culinária, decidiu levar seus planos adiante depois de criar seus dois filhos.  Entre os pratos que já cozinha, estão os quiches de frango com alho poró,, além de sonhos, quindins e tortas. Ela vende por encomenda por meio de sua conta no Instagram: @marli.confeiteira.

Um dos filhos de Marli, Patrik da Silva, postou a conquista da mãe em sua página no Twitter: “Minha princesa preta formada em culinária francesa, merece o mundo”. A publicação já teve mais de 30 mil retweets e 315 mil curtidas.