Com uma mensagem de otimismo e incentivo para que todos sigam em frente e não desistam, a Coca-Cola fez uma releitura do comercial “Por Todos”, criado na Argentina em 2001, e que agora será exibido em todo o mundo. A ideia é mostrar a importância de encarar o desafio da pandemia para superar o momento, sempre acreditando num futuro melhor.

No filme, os produtos da Coca-Cola são vistos de diversas perspectivas para fazer analogia aos diversos perfis que estão sendo afetados pela crise causada pela coronavírus. Assista abaixo.

O comercial original foi criado como mensagem da Coca-Cola para a Argentina que enfrentava grave crise econômica e política, resultando na declaração de Moratória da Argentina. Chegou a ser reeditado por ocasião do fim do apartheid na Africa do Sul, como uma homenagem a Nelson Mandela, durante a crise do vírus SARS na China, e como mensagem inclusiva para pessoas com deficiência na Alemanha.

Comunidade

Vale lembrar que a Coca-Cola Brasil e o Instituto Coca-Cola Brasil criaram um fundo para beneficiar comunidades de baixa renda e catadores de resíduos com ações diretas contra o coronavírus. Os recursos vão para ONGs e instituições que, nos últimos 20 anos, são parceiras em programas de capacitação de emprego, acesso à água e reciclagem da empresa. Numa frente, o objetivo é ajudar a combater a Covid-19 em 71 comunidades de 14 estados e Distrito Federal, onde vivem 2,8 milhões de pessoas. Para os catadores, o foco é contribuir na garantia da renda mínima a cerca de 11 mil cooperados e autônomos. O modelo de parceria permite que entidades voltadas a populações vulneráveis usem seu conhecimento para cuidar de quem mais precisa.

Doações

Em diversas regiões do país, os nove engarrafadores, a joint-venture Leão Alimentos e Bebidas e a empresa de laticínios Verde Campo têm feito doações de álcool gel 70%; de embalagens para envase de álcool; e de água mineral Crystal e outros produtos da Coca-Cola Brasil para organizações da área da saúde. Alimentos básicos também têm sido doados aos órgãos competentes. Já são mais de: 1 milhão de unidades de água mineral, 26 toneladas de alimentos para cestas básicas, Transporte de 250 mil litros de álcool a 70%, 400 mil garrafas PET para envase de álcool. Além disso, houve um aporte de R$ 2 milhões para compra de equipamentos para UTIs no Distrito Federal realizado pelo engarrafador da região