Há pouco mais de dois meses, Francisco Guedes Bombini, conhecido como Super Chico, superou a Covid-19 e protagonizou uma cena emocionante ao sair da UTI de um hospital particular de Bauru (a 330 km de São Paulo). Ele foi aplaudido por profissionais de saúde após 14 dias de internação.

Apesar de já estar em casa, Chico não pode comemorar seu aniversário de quatro anos com a festa desejada, no dia 6 de outubro. E havia muitos motivos para celebrar. Além da Covid-19, o menino encara dia a dia uma série de dificuldades. O menino, que tem síndrome de Down, também tem disfunção renal grave, cardiopatia, hipotireoidismo e uma displasia pulmonar provocada por três meses de intubação após o nascimento, Chico morou no hospital durante seis meses e passou por sete cirurgias.

Sem a festa, o jornalista Adham Marim, amigo dos pais da criançaa, pensou em organizar uma comemoração diferente: assumiu a missão de pedir para Chico Buarque gravar um vídeo em homenagem ao xará de Bauru.

Chico, o Buarque, estava isolado na serra fluminense e costuma receber muitos pedidos como esse. Seria difícil conseguir, avisou a assessoria. Mas Marin não desistiu, conseguiu o celular da jurista Carol Proner, namorada do artista, fez o pedido e teve sucesso. “Queria enviar meus parabéns pela luta de vocês para ajudar outras crianças que enfrentam dificuldades”, disse Chico aos pais do menino.

Marin resolveu ampliar a homenagem e fez o mesmo pedido a outros artistas e personalidades admirados pelos pais da criança. O resultado foi uma coleção de vídeos com diversas celebridades comemorando o aniversário do Super Chico. As homenagens estão sendo publicadas nas redes sociais da família.

Do Uruguai, o ex-presidente João “Pepe” Mujica mandou um abraço ao pequeno Chico e ao “povo brasileiro”, principalmente aos que mais precisam de solidariedade. Em sua casa e segurando um gato, a cantora e compositora Rita Lee disse que os anjinhos estão o menino a ser forte. Criolo,  cantor e compositor, mandou axé e alegrias para a família de Bauru. A chef Paola Carosella também está entre os famosos que contribuíram com uma homenagem.

A família ainda recebeu vídeos dos artistas Alceu Valença, Humberto Gessinger e Oswaldo Montenegro, dos religiosos Leonardo Boff e padre Júlio Lancellotti, do jurista Lenio Streck e dos ex-jogadores Amaral e Fábio Carille, alé de outras personalidades, familiares e amigos. Elza Soares cantou “Happy Birthday” para Chico. “Parabéns, meu amor. Muita vitória nessa luta”, disse.

“Tantas homenagens encheram nossos corações de mais amor e deram mais fôlego para seguirmos em frente”, afirmou Daniela Guedes Bombini, mãe do menino. Com 203 mil seguidores no Instagram, o menino tem fãs no Brasil todo e também de fora do país. Ele chama a atenção desde os primeiros meses de vida por superar diversas internações e complicações e aparecer em vídeos e fotos vestido de super-herói.

Fonte: Folhasp