O Santa Cruz, clube de futebol de Recife (PE), convidou a jogadora  Larissa Silva, de 10 anos, para conhecer o elenco do seu clube de coração. O convite veio depois que a menina fez um desabafo nas redes sociais, que viralizou, se queixando das ofensas direcionadas a ela, por gostar de jogar futebol.

Quem também se solidarizou com a declaração de Lari Gol, como é conhecida, foi o capitão do Santa Cruz, o zagueiro Danny Morais. O jogador fez questão de gravar um vídeo incentivando a garota a seguir em busca do sonho de virar jogadora profissional.

“Eu vi que você joga demais. Independente disso, o importante é que você faz o que gosta. Quero te dizer que, no futebol e na vida, a gente sofre muitos pré-conceitos. No momento em que você resolveu brigar por isso, já demonstra o quão diferente você é. Que você siga buscando o seu sonho, fazendo o que você gosta.”

Larissa é moradora do bairro do Vasco da Gama, na Zona Norte do Recife, e reagiu ao  bullying que sofreu, dizendo que  não desistirá do sonho de se tornar uma atleta profissional.